Marbella: melhores dicas para sua viagem (guia completo)


Atualizado em:


Marbella é conhecida como a cidade de festa e veraneio dos ricos e famosos, tanto da Espanha quanto do mundo inteiro. A cidade de praia na Costa do sol, região costeira da Andaluzia, atrai visitantes que chegam em seus yatchs em Puerto Banús, ou foodies que querem ir atrás dos restaurantes badalados, muitos com estrela Michelin inclusive. Mas mesmo quem vai apenas para conhecer, em um estilo mais low profile, consegue aproveitar muito bem também. O centro histórico é tão fofo e animado que parece o de uma ilha grega, e as praias são lindas – e para todos!

Fiquei surpresa quando visitei a cidade e como não encontrei muitas dicas de Marbella e informações em português, resolvi escrever esse post o mais completo possível. ♥

O centrinho histórico de Marbella é uma graça.

Puerto Banús

Yatchs na Marina Banús, em Marbella: a St. Tropez da Espanha.

Confira desde informações sobre as praias de Marbella, o que fazer em Marbella, onde comer e onde ficar em Marbella e muito mais. Espero que você cconsiga planejar melhor seu roteiro pra lá depois de ler este conteúdo. Veja o que você verá por aqui:

Onde fica Marbella?

A cidade de Marbella é banhada pelas águas esmeraldas do mar mediterrâneo, na parte ocidental também conhecida como Mar de Alborão. Faz parte da região costeira da Costa do Sol, que está dentro da comunidade autônoma de Andaluzia (que é como se fosse um estado nosso aqui no Brasil). Geograficamente fica entre a cidade de Málaga e de Gibraltar, no sul da Espanha. Veja no mapa abaixo.

Como o próprio nome da região sugere, a Costa do Sol é conhecida desta forma por causa do ótimo clima. Apesar de parecer mentira, Marbella costuma ter menos de 50 dias chuvosos ao longo dos 365 dias do ano. Nos demais dias, você poderá contar com um sol brilhando e uma temperatura entre 16 a 30 ºC.

Além disso, fora as belezas naturais, a cidade nasceu como uma vila de pescadores acompanhada de um castelo árabe. Por isso, as ruas são estreitas e há prédios históricos e branquinhos que dão uma sensação mais de ilha grega do que de cidade espanhola. Atualmente, há pouco mais de 130 mil habitantes, embora durante o verão pareça que há bem mais por conta dos tantos turistas que visitam na alta temporada.

marbella no mapa

Marbella, o pin em vermelho, fica localizada no sul da Espanha.

Como chegar em Marbella?

O aeroporto mais próximo da região está localizado na cidade de Málaga, que fica a pouco mais de 50 quilômetros de distância. Após descer de seu voo, você pode optar por utilizar um ônibus ou chegar a Marbella em um carro alugado.

Chegando em Marbella de ônibus

Caso você opte pelo ônibus, será possível colocar em sua rota de visitação outras praias da Costa do Sol ou ainda fazer um roteiro pela Andaluzia mais completo. Os ônibus costumam partir ao longo de 20 vezes ao dia e há itinerários para Sevilha, Granada, Málaga e outros destinos populares de Andaluzia. Porém, eles demoram bastante até chegar no destino. Algo de até 6 horas entre os pontos mais distantes, mas esse não deixa de ser um grande passeio por si só, para quem está com o orçamento mais apertado.

A própria cidade de Marbella também tem linhas para outras cidades andaluzes, caso você tenha tempo de visitar toda a região.

Chegando em Marbella de carro

Para quem escolher partir do aeroporto de Málaga até Marbella de carro, a viagem fica bem mais rápida, gastando aproximadamente 1 hora e meia. Além do tempo de viagem, há a grande vantagem de poder ir parando ao longo do caminho e ter mais liberdade, ideal para aqueles que adoram fotografar tudo, e que quando vêem algum lugar fofo já param para descobrir seus próprios segredos de viagem!

Quando ir para Marbella?

Como nós falamos anteriormente, a cidade de Marbella tem um ótimo clima e por isso qualquer dia do ano é uma boa época para visitá-la. Mas há períodos de chuva e também o período de alta temporada. Para evitar qualquer risco de ir até lá e perder alguns dias por conta de chuva, recomendamos que tente não marcas sua viagem para Marbella nos meses de novembro a março por conta do inverno espanhol. A alta temporada rola durante o verão europeu, de junho a setembro, e é quando a cidade está no seu auge, porém quando fica mais cara também.

quando ir para Marbella

Marbella: clima agradável em praticamente todos os dias do ano.

Uma curiosidade sobre o clima: os dias costumam ser mais quentes devido à proteção da Sierra Blanca, uma cordilheira que cria um microclima, tornando os invernos mais suaves e os verões mais intensos.

O que fazer em Marbella?

É importante dizer que há praticamente duas Marbellas. A primeira é a cidade em si, mais democrática e onde está o centrinho histórico que eu disse que parecia o de alguma ilha grega (e que você precisa conhecer!). A segunda é a região de Puerto Banús, onde ficam os yatchs, lojas de grife, baladas e toda essa parte mais de luxo e exibição na qual Marbella é conhecida, e o motivo de ter virado point de milionários do mundo todo. Sabendo isso, fica mais fácil alinhar as expectativas e o que esperar do destino.

Abaixo, fiz algumas sugestões de atrações que você não pode deixar de conhecer na cidade espanhola:

-Puerto Banús e Praia de Nueva Andaluzia

O Puerto Banús é um ícone da cidade. Lojas, restaurantes e lugares badalados perto dos enormes yatchs ancorados na marina de Banús. Você pode aproveitar um dia de rei e alugar uma lancha privada para passear pelo mar (veja mais detalhes aqui), ou pode pegar um dos passeios cobrados por pessoa e em ambarcações maiores. Um excelente jeito de conhecer a costa. Fora do mar, vale a pena andar pela marina, ir a noite em algum dos barzinhos e olhar as vitrinas e pessoas que por lá passam.

Puerto Banús Marbella

Além de tudo, o Puerto Banús é lindinho demais.

passeio de barco em Marbella

Tirei foto de um dos barcos que vi na Marina Banús que fazia passeios de 1 hora.

Pertinho de Puerto Banús está uma das praias de Marbella mais populares e frequentadas, mesmo sendo pequeninha: a Nueva Andaluzia. Há um paseo que é tipo uma orla gostosa para caminhar e ver os prédios branquinhos do lado esquerdo. A praia é protegis por uma barreira de pedras, o que deixa as águas mais calmas. Quem está em Puerto Banús consegue ir a pé. Para chegar até a praia direto de carro, o caminho mais aconselhável é seguir a linha costeira da N-340 rumo ao Puerto Banus/Estepona/Algeciras. Na sequência, você precisa escolher pela A7 em direção a Algeciras e sair no desvio seguinte para Puerto Banus/Nueva Andalucia.

-Praia de Cabopino

Entre as praias em Marbella há a de Cabopino, uma das mais procuradas pelos espanhóis e turistas. Fica em torno de 15km do centro de Marbella. Ao contrário de Nueva Andaluzia, Cabopino tem uma areia extremamente fina e bastante verde em volta, e tem serviços pé na areia.

Para ir até Cabopino, você precisa pegar a estrada em direção a Málaga e, ao passar por Elviria, entrar na saída para Cabopino – devidamente sinalizada. Uma vez no caminho, basta seguir rumo à praia.

-Playa de la Bajadilla + Paseo Marítimo de Marbella

A playa de la Bajadilla está longe de ser paradisíaca e imperdível, na minha opinião. Mas não podia deixar de mencioná-la já que foi daqui que vi um dos pores do sol mais incríveis da minha vida. A foto abaixo explica melhor do que qualquer palavra.

o que fazer em marbella

Pôr do sol incrível (e sem filtro) em Marbella.

dicas de marbella

Paseo Marítimo de Marbella, uma delícia no final de tarde.

De lá você pode seguir pela Calle San Ramón e pelo Paseo Alfonso Caãs Nogueras, que configuram o Paseo Marítimo de Marbella. Nada mais é do que uma orla gostosa, com algumas sorveterias, lojas e restaurantes, entre ciclistas, pedestres e skatistas. Tudo isso olhando o mar, bem praiano e gostoso para um final de tarde. Dica, seguindo nesse trajeto você chegará ao próximo passeio dessa lista, que foi uma surpresa no nosso roteiro por Marbella.

-Avenida del Mar

Uma avenida que na verdade é uma praça ou talvez um calçadão super gostoso e excelente para caminhar no final do dia. Mas o mais legal mesmo é que ao longo dessa espaço, há em torno de dez estátuas de ninguém menos do que Salvador Dali.

Salvador Dalí Avenida del Mar Marbella

Esculturas de Salvador Dalí enfileiradas na Avenida del Mar.

Isso mesmo, estátuas de Dali expostas livremente, em um espaço público e totalmente gratuito. Um museu a céu aberto entre árvores, bancos e lojinhas (as vezes acontecem feiras de artesanato por lá também. A avenida de pedestres não é comprida, e basicamente liga a Playa de Venus ao um Alameda Park.

-Stand-up paddle no pôr do sol, ou passeio de caiaque

Estamos falando de uma cidade de praia, logo há muitos passeios como canoagem, stand up paddle e passeios de barco. Quem vai nos meses mais quentes pode fazer esse passeio de stand-up durante o pôr do sol, que termina em um bar para tapas e drinks.  É uma boa opção para quem viaja sozinho e busca uma oportunidade de conhecer mais gente. O passeio sai do Puerto Deportivo, que fica entre a Avenida del Mar e o Parque de la Constitución. Veja mais e reserve por aqui. De lá também saem passeios de caiaque, confira aqui.

-Parque de la Constitución

O parque de la Constitución é uma boa pedida para dias mais calmos. Festivais de música e exposições de artistas locais são comuns no local. A entrada é gratuita e fica próxima da N-340, uma das avenidas principais da cidade. Lá perto, procure pela “Oficina de Turismo” para conseguir informações atualizadas do que está rolando na cidade.

-Centro histórico de Marbella

A dica é entrar pelas ruas de pedestres do centro histórico e se deixar levar. Dá pra passear de dia e ver mais pontos turísticos
(são vários) ou a noite pra curtir a vida noturna também. Para ter como ponto de referência, veja no mapa e passe em algum momento pela Plaza de los Naranjos, pela Plaza de la Victoria, pela Capilla San Juan de Dios, pela Iglesia de la Encarnación, e pela Calle Montenebro. Foi meu programa favorito em Marbella.

marbella na espanha

Pelas ruas do centro histórico.

-Bares e baladas para ver e ser visto

Ao longo dos anos, Marbella virou destino de famosos também por conta de seus yatch clubs exclusivos e da agitada vida noturna. As ruas ao redor de Puerto Banús são cheias de bares interessantes para você escolher o seu preferido. Além disso, quem decidir visitar a cidade da Costa do Sol e quiser agito extra, deve considerar conhecer um desses clubes listados abaixo:

  • Olivia Valère: espaços iluminados pela própria lua e com arquitetura semelhante a um castelo, é frequentado por pessoas da alta sociedade e famosos do mundo todo. Exclusiva e chata para entrar, é uma das baladas em Marbella mais famosas;
  • Aqwa Mist: espaços privados e áreas de alto luxo são as principais características dessa casa noturna;
  • Tibu: uma das casas mais procuradas por amantes da moda, a Tibu oferece música atrelada ao sensual e luxuoso.

-Compras em Marbella

Por ser um destino de luxo, há vários pólos para compras e diversas lojas famosas. Vi algumas dicas no site da Helena Bordon de lugares para fazer compras. Segundo ela, vale a pena olhar alguns dos centros comerciais e shoppings como o La Cañada, Plaza del Mar e o Costa Marbella. Porém, como esse não era o objetivo da minha viagem, acabei não conhecendo nenhum dos lugares de comprar além da área comercial da Marina Banús no próprio Puerto Banús, que tem várias lojas de grife como Louis Vuitton, Valentino, Jimmy choo, entre outras. Honestamente acho esse o melhor lugar para compras em Marbella, pois as ruas são lindas, é um shopping a céu aberto e ainda fica do lado da marina.

Onde ficar em Marbella? Dicas de regiões e hotéis para cada bolso

De novo o discurso das duas Marbellas: a cidade com o centro histórico e a Marbella da região de puerto Banús. Mas no caso de onde ficar em Marbella há ainda uma terceira opção, a Golden Mile, uma das áreas residenciais mais luxuosas da cidade, a cerca de cinco minutos de Marbella e Puerto Banús (região entre eles). É lá que estão os principais hotéis de luxo, e alguns dos restaurantes famosinhos e beach clubs.

Hospedagem de luxo em Marbella: Marbella Club Hotel

Esse hotel a beira mar é um dos mais conhecidos da cidade, ganhador de vários prêmios, e fica no coração da “Golden Mile”. O Marbella Club Hotel  já foi a residência privada do príncipe Alfonso von Hohenlohe. Dá pra imaginar o luxo, né? Além de tudo, este hotel tem opções próprias de lazer e toda estrutura que você precisa. Dá pra passar o dia nas praia, fazer uma sessão de spa ou participar de uma aula de pilates ou yoga no amanhecer. Tem área kids e piscinas para quem vai com a família, e até campo de golf.

onde ficar em Marbella

A deliciosa área externa do Marbella Club Hotel, o melhor da cidade. Foto: divulgação.

É uma ótima opção para quem quer se sentir verdadeiramente conectado as vilas clássicas de Andaluzia, com clima de casa de campo e jardins bem bonitos.

-Outras opções de alto luxo em Marbella: Hotel Don Pepe Gran Meliá, Nobu Hotel, Puente Romano Beach Resorts.

Ainda no alto luxo, mas no centro histórico: Hotel Claude Marbella

Diferentemente das opções anteriores que estão na Golden Mile, o Hotel Claude Marbella fica no coração do centro histórico e também tem uma história própria muito interessante. Já foi o lugar de moradia de Eugenia de Montijo, imperatriz da França, e mais tarde de uma grande cantora de ópera. O lugar foi palco de centenas de evento culturais.

Hoje é um dos mais luxuosos e elegantes hotéis do sul espanhol. Seu pátio de mármore e um terraço romântico no último piso com vista para a cidade são grandes atrativos para viagens de casais. Além de tudo, é ótimo para quem quer explorar as ruas de Marbella a pé, já que há mais de 40 atrações a menos de um quilômetro de distância. Veja mais aqui.

Hospedagem intermediária em Marbella: Hotel Lima e La Morada Mas Hermosa

Com uma localização bem estratégica, perto da Avenida del Mar, da praia e do centro histórico de Marbella, o Hotel Lima é uma excelente opção de onde ficar em Marbella. Costuma ter um bom custo X benefício para o conforto que entrega. Decoração moderna e aconchegante ao mesmo tempo. Veja mais aqui.

Já o La Morada Mas Hermosa é realmente um dos hotéis mais charmosos de Marbella. Fica no coração do centro histórico, entre lojas e restaurantes. É simplesmente uma graça, todo branquinho e aconchegante. E o melhor de tudo é que o valor das diárias são muito bons e mais acessíveis que as opções acima, fazendo desse um verdadeiro achado na cidade. Era onde queria ter ficado, mas já não havia disponibilidade. Então não dê bobeira e reserve com antecedência aqui.

Hospedagem econômica em Marbella: Hostel Tak

Como já disse no post sobre Málaga, essa viagem pelo sul da Espanha fiz com uma amiga e queríamos nos hospedar com conforto, com quartos e banheiros privativos, mas sem gastar muito. Nossa opção para Marbella era o La Morada Mas Hermosa, mas não conseguimos vaga e acabamos reservando o Hostel Tak.

onde ficar em Marbella

Quarto do Hostel Tak, lugar onde nos hospedamos em Marbella.

No final das contas o Hostel Tak se revelou uma grata surpresa. A localização era boa (a uma distância a pé do centro e da praia) e pagamos apenas 50 euros na diária para um quarto e banheiro privativos. Tudo era simples mas muito bem cuidado e bonitinho. Ficamos em um quarto térreo, com uma janela que dava para um pátio agradável.

DICA SV: Independente se for gastar muito ou pouco, tenha sempre em mente a importância do seguro de viagem. O Seguro Viagem para a Europa é obrigatório, e esse é o tipo de gasto em que não vale a pena economizar.

Onde comer em Marbella: dicas de restaurantes

Ir para a Espanha e comer em fast food é dar um tiro no próprio pé, afinal as comidas são fantásticas e preços costumam ser baixos. Em Marbella você tem opções tão variadas que achei até difícil escolher onde comer. Os principais centros gastronômicos seguem sendo o centro histórico (há bares e restaurantes a perder de vista), a região do Puerto Banús, e os beach clubs e restaurantes na beira da praia ao longo da extensão da costa de Marbella.

Uma boa primeira dica para quem curte gastronomia é olhar as dicas do guia Michelin, super referência no assunto. Uma das recomendações mais famosas é o refinadíssimo SKINA, com menu degustação ou menu a la carte, mas com preços bem elevados (uma refeição não sai por menos de 130 euros por pessoa!). Mas para além desses, fizemos uma seleção rápida de restaurantes bem cotados e recomendados abaixo, e cujo valor é mais acessível:

-El Balcon de la Virgen

Uma unanimidade em várias listas e matérias que pesquisei. Por mais que haja opções sem glúten, veganas e vegetarianas, esse é um dos melhores restaurantes para comer frutos do mar. Sendo Marbella uma cidade originalmente de pescadores, é imprescindível experimentar um prato desse tipo por aqui, tem tudo a ver com a cidade.

Ta vendo a virgem lá no fundo? É um ícone do centrinho e ainda o lugar onde fica o restaurante.

Para ter uma boa experiência e não correr riscos, lembre-se de fazer reserva. Esta não é uma opção exatamente barata, mas está longe de ser um dos mais caros tampouco. O preço é ideal para sua localização, em uma agradável casinha no coração do centro histórico da cidade.

-Paco Jimenez

Outra pérola do centro histórico de Marbella, vale pelo lugar que é super fofo e comida boa também. Neste restaurante você até consegue uma mesa sem reserva, mas para garantir seu lugar melhor reservar. Um pouco mais em conta que o anterior, o menu é mais focado na comida espanhola e européia, e também é possível encontrar opções sem glúten, vegetarianas e veganas.

Na praça mais famosa do centrinho (Plaza de los Naranjos), o lugar traz aconchego e a dose de romantismo ideal, com as mesas da varanda, vista para a rua e as estrelas. Mas, se tiver calor, vá sabendo que não tem ar condicionado lá dentro.

o que fazer em Marbella

A Plaza de los Naranjos no centro histórico de Marbella., e o restaurante no cantinho esquerdo.

-Besaya Beach

Para quem quer sair do centrinho e aproveitar a vibe praiana, esse é um restaurante quase pé na areia. Localizado em frente ao mar em Marbella, muito perto de Puerto Banús e a poucos metros da praia. Com shows ao vivo, tem uma cardápio variado, com basicamente as mesmas opções dos outros dois restaurantes acima (mediterrâneo/ andaluz/ europeu). Mesmo com preços mais altos que as opções anteriores, este é um restaurante mais afastado e exclusivo, que vale por toda a experiência e talvez para uma ocasião especial. Melhor fazer reserva.

Vale a pena visitar Marbella?

Afinal, vale a pena conhecer Marbella? Eu gostei muito da minha visita. Acho que vale ainda mais a pena quando você vai no verão (ou final da primavera, começo do outono), já que há mais atividades beira-mar ou “de praia”. A cidade é muito vibes verão europeu, e o centro histórico é um dos mais charmosos e únicos que já conheci na Espanha. Se estiver de carro, com mobilidade fácil e fazendo um roteiro pelo sul, reserve pelo menos uma noite por lá. Mas se quiser focar sua viagem em atrações culturais e históricas, melhor seguir direto para Málaga.


Espero que tenham gostado do post e que gostem ainda mais de Marbella. Se descobrir outros segredos de viagem por lá, não deixe de comentar aqui embaixo. Vamos adorar saber novas dicas, ou responder possíveis dúvidas sobre a cidade. =)

Ah, confira também todos os nossos posts da Espanha, principalmente as dicas de cidades próximas a Marbella, como Sevilha e Málaga.

Vai viajar?
É preciso planejar!

Planeje sua viagem utilizando os serviços dos parceiros abaixo. Você não paga nada a mais por isso, e ajuda o SV a continuar produzindo conteúdo de qualidade e gratuito. =)

Curadoria de viagem

Receba uma vez por mês em seu e-mail nossas dicas cuidadosamente selecionadas e as novidades do mundo das viagens.

Deixe seu comentário

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *