Como assistir a um Grand Slam de Tênis


Atualizado em:


O Segredo do Leitor de hoje explica TUDO o que você precisa saber para comprar ingressos e assistir a um Grand Slam de Tenis! O André Battagello já foi no Australian Open e pretende carimbar todos os outros torneios de tênis, e nos explica um pouco sobre como fazer isso. Confira que está imperdível:

“Você é fã de tênis? Sonha em ver os maiores jogadores do mundo jogando nos torneios mais antigos e tradicionais do mundo? Já ouviu falar no que é um Grand Slam?

Esse Segredo vai para os apaixonados pelo Tennis!

Para os que não conhecem o esporte tão a fundo, Grand Slams são os 4 eventos de tênis mais importantes do ano, tanto pela tradição, quanto pela quantidade de pontos e de premiação distribuída. Esses 4 torneios são os mais cobiçados pelos atletas, já que o grupo de tenistas que já conquistou um Grand Slam é muito seleto.

Os 4 torneios já são disputados há mais de um século, e acontecem anualmente nas seguintes épocas e lugares:
Australian Open – Melbourne, Australia – Janeiro (disputado desde 1905)
Roland Garros – Paris, França – Maio/Junho (disputado desde 1891)
Wimbledon – Londres, Inglaterra –  Junho/Julho (disputado desde 1877)
US Open – Nova York, Estados Unidos – Agosto/Setembro (disputado desde 1881)

Como bom fã de tênis e apaixonado pelo esporte, em 2011 planejei uma viagem à Austrália durante o mês de janeiro, e consegui realizar o sonho de assistir a uma semi-final de Grand Slam.

Federer em ação!

Para assistir esses torneios, no entanto, é necessários se programar com antecedência, ficar atento às datas de vendas dos ingresso, e ter um pouquinho de sorte também.

Aqui vão minhas dicas e informações sobre as vendas de ingressos para cada um dos 4 grandes torneios:

Australian Open

Melbourne Tenis

Vista Melbourne Park, complexo de tênis onde é disputado o Australian Open, e da Rod Laver Arena, a quadra central onde são disputados os principais jogos e a grande final do evento.

As informações sobre vendas de ingressos podem ser encontradas nesse link. As vendas de ingressos se iniciam normalmente em Setembro/Outubro, mas os ingressos não esgotam muito rápido (com exceção da final), pois os ingressos do Australian Open seguem um modelo um pouco diferente.

Diferente do esquema tradicional de vendas de ingressos para torneios de tênis, onde você em compra o ticket para um jogo específico (por exemplo, para os jogos das quartas-de-final masculina), no Australian Open eles comercializam ingressos para sessões. Cada dia do evento é dividido em 2 ou 3 sessões (diurna, vespertina – que ocorre apenas nos primeiros dias do evento – e noturna), mas não há nenhuma garantia sobre os jogos que serão disputados numa sessão: a programação das sessões é divulgada apenas 1 dia antes dos jogos.

Desse jeito, é muito imprevisível saber qual jogo você irá assistir, e por essa razão as pessoas deixam para comprar ingressos às vésperas dos jogos.

Comprei ingresso para a semi-final masculina dois dias antes do jogo, e consegui assistir ao jogo entre Federer e Djokovic!

Roland Garros

Quadra Central de Roland Garros - Philippe Chatrier

Quadra Central de Roland Garros – Philippe Chatrier

Roland Garros é o Grand Slam disputado no saibro. Informações sobre ingressos podem ser encontradas nesse link. A venda de ingressos se inicia geralmente em Fevereiro, e os ingressos esgotam MUITO rápido.

No início desse ano tentei comprar, mas entrei algumas horas após as vendas já terem sido iniciadas, e os jogos das quartas, semi e finais masculinas já estavam esgotados.Portanto, é preciso acompanhar as datas com antecedência, se registrar no site, e ficar colado na frente do computador no momento em que as vendas iniciarem.

Wimbledon

Wimbledon é, na minha  opinião, o torneio de tênis  mais tradicional e de maior prestígio do mundo. Além de ser o mais antigo, ele é disputado na grama (sagrada) do All England Club. A grama, para aqueles que não conhecem a história do tênis, é o piso original onde o esporte foi criado.

Wimbledon tennis

Quadra Central de Wimbledon

Além de ser o mais tradicional, Wimbledon também é o mais disputado para conseguir um ingresso.Para conseguir sua entrada em Wimbledon, é necessário se planejar com MUITA antecedência e ainda ter muuuuita sorte.

A maior parte dos ingressos é distribuída através do Ballot, que é um sorteio no qual as pessoas devem se inscrever durante uma época, e os ingressos são sorteados através de um computador.Mas atenção: as datas de inscrição no Ballot são geralmente muito antes do torneio acontecer. Para o torneio de 2013, o Ballot teve suas inscrições encerradas em 31 de Dezembro de 2012!

O processo de inscrição também é super complicado, onde um formulário deve ser preenchido e enviado pelo correio (em pleno século XXI), por isso é importante se planejar com pelo menos 1 ano de antecedência (a maior parte das pessoas se inscreve para o Ballot do próximo ano assim que se encerra o torneio do ano corrente).

Além disso, a inscrição no Ballot não garante a compra dos ingressos, nem qual jogo você irá assistir! Achei informações em alguns links que dizem que a concorrência para os ingressos é de 4 para 1, e você ainda pode ser sorteado para assistir um jogo sem importância da chave feminina… (não é machismo não viu meninas? hehehe).

Para saber mais sobre o Ballot, você pode acessar este link.

No entanto, a organização do evento reserva uma pequena quantidade de ingressos para ser vendida um dia antes dos jogos (com exceção das semifinais e finais do evento). É a famosa “Fila” (“The Queue”, em inglês), sobre a qual você pode saber melhor aqui neste link

A concorrência também é muito grande, e tem pessoas que passam dias acampados na fila para conseguir comprar! Mas é uma possibilidade para quem não se planejou com antecedência mas tem muita vontade de assistir ao torneio.

US Open

US Open

Arthur Ashe Stadium, a quadra central do US Open

O US Open é o Grand Slam que encerra o ano, e ainda dá tempo de comprar ingressos para 2013! As vendas para o público se iniciam dia 10 de junho, e maiores informações podem ser encontradas aqui neste link.

Cada um dos eventos tem suas peculiaridades, e em geral esses são os meios tradicionais de se comprar ingressos para os torneios. Alguns dos Grand Slams possuem programas especiais de pré-venda, ou outros meios alternativos que favorecem associados, por exemplo. Mas de qualquer maneira, conseguir assistir um Grand Slam é uma experiência sensacional, principalmente os jogos decisivos e com grandes tenistas (quartas, semis e a grande final).

Se você não faz questão de assistir aos jogos decisivos, todos os eventos de Grand Slam oferecem opções de ingressos para assistir a jogos das quadras secundárias e permitem percorrer todas as instalações do local do evento, que tem várias atrações e lojas. Só o passeio já é muito bacana também!

Para quem adora tênis, é uma excelente opção para incluir no seu roteiro de viagem, já que as 4 cidades onde os eventos são realizados são sensacionais também!”

Espero que tenham gostado da dica do André! Nós, que também adoramos e jogamos tênis, amamos e achamos o post bem completo.

Vai viajar?
É preciso planejar!

Planeje sua viagem utilizando os serviços dos parceiros abaixo. Você não paga nada a mais por isso, e ajuda o SV a continuar produzindo conteúdo de qualidade e gratuito. =)

Curadoria de viagem

Receba uma vez por mês em seu e-mail nossas dicas cuidadosamente selecionadas e as novidades do mundo das viagens.

Deixe seu comentário

  • Ola, estou na Australia e quero ir em 2015 ao AUSOPEN. Por curiosidade, vc pagou quanto no ingresso da semi-final? Poderia me dar mais dicas? Abraços

  • Juliana Souto Vidal

    Oiii,
    Adorei o post! Sou super fã de tênis! Fui pro Roland Garros em 2011 e vou pra Australia agr em 2014… Queria saber como vc conseguiu comprar os ingressos pra ver a semi dois dias antes? Pagou muito caro? As semis e a final já estão esgotadas! 🙁 Queria muitoooo ver o Nadal!
    Obrigada!
    Abraços

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

EnglishPortuguese