Roteiro para uma tarde em Montmartre, o bairro da boemia de Paris


Atualizado em:


Montmartre é considerado o bairro boêmio de Paris. Fica ao norte da cidade, um pouco mais afastado dos bairros mais comuns entre os turistas (que ficam mais próximos a Île Saint Louis), mas sendo ele próprio um bairro turístico e uma exceção.

Por ficar no alto de uma colina, é em Montmartre que é possível se ter uma das vistas mais belas de Paris, basta ficar em qualquer lugar da escadaria da Sacre Coeur.

E esta é mais uma das atrações do bairro, a famosa basílica fica no ponto mais alto de Paris e tem um interior lindo! Ficou muito marcado na memória a sensação que tive na primeira vez que entrei na Sacre Coeur. Os órgãos estavam tocando uma música imponente e forte, e havia um pouco de neblina do lado de fora que entrava um pouco na igreja, e deu um visual e uma sensação única.

Sacre Coeur, Sagrado Coração em francês.

Sacre Coeur, Sagrado Coração em francês.

Roteiro por Montmartre

Nossa sugestão de roteiro é começar pela Sacre Coeur e de lá seguir para a Place des Tertres, onde ficam os tradicionais pintores de Paris, conhecidos por desenharem caricaturas dos turistas, além de pintarem quadros de diversos estilos.

IMG_1958

Todo mundo se espreme na escadaria para arrumar um espaço para apreciar a vista da cidade.

DSC01202

Um pedaço da vista de Paris com o famoso homem das embaixadinhas que fica por lá se apresentando.

IMG_1764

Vista no nível mais baixo da colina, antes de subir para a Sacre Coeur.

De lá, caminhe para dentro do bairro, explorando uma parte menos turística com ruelas e pequenas lojas charmosas, até chegar na Place de Abbesses. Na praça, vale a pena visitar a loja da Kusmi Tea, que tem chás de todos os tipos possíveis e imagináveis. Nós somos apaixonadas por essa marca e já escrevemos sobre ela nesse post aqui.

Loja da Kusmi Tea em Montmartre

Loja da Kusmi Tea em Montmartre

DSC01187

Por dentro de Montmarte.

Ainda na praça de Abbesses há um cantinho escondido, e que quase passa despercebido, onde fica o “Mur de Je t’Aime”, que é um muro com a frase “Eu te amo” escrita em mais de 300 idiomas. Escrevemos um post inteiro sobre ele aqui.

le mur des je t'aime

Siga para a Rue Lepic para ver o Café Deux Moulins, onde foi gravado o filme da Amélie Poulin, e para comer um doce na Les Petits Mitrons, que tem doces maravilhosos!

DSC01162

O café da Amélie Poulin: Café Deux Moulin.

DSC01157

As tartes deliciosas do Les Petits Mitrons!

Em direção ao Moulin Rouge, olhando para trás a Rue Lepic.

Em direção ao Moulin Rouge, olhando para trás a charmosa Rue Lepic.

Daqui você pode se dirigir até o Boulevard de Clichy, onde fica o famoso Moulin Rouge. Nessa avenida também estão diversas lojas mais sensuais e sex shops.

DSC01135

DSC01147

PS- ESSE ROTEIRO PODE SER FEITO  TAMBÉM DE TRÁS PARA FRENTE, COMEÇANDO NO BOULEVARD DE CLICHY, DEPOIS RUE LEPIC, PLACE ABBESSES, PLACE DES TERTES E TERMINANDO NA SACRE COEUR. 

Como chegar/ sair de Montmarte

A maioria do passeio pelo bairro deve ser feito a pé, mas para chegar lá, o melhor jeito é utilizar o metrô.

Você pode começar seu roteiro descendo na estação Blanche do metrô, que fica pertinho do Moulin Rouge (linha 2, azul). De lá você segue o nosso roteiro “de trás para frente” e termina na estação Anvers (veja no parágrafo abaixo).

Ou você pode começar pelo roteiro que começa na Sacre Coeur, e descer na estação Anvers (também na linha 2, azul), que fica logo abaixo do bondinho que faz a subida até a Basílica. E de lá seguir nossas sugestões e terminar na Place Abbesses ou no Moulin Rouge.

Se você quiser começar pelo meio do passeio, ou não quiser ir ao Moulin Rouge por exemplo, você pode descer na estação Abbesses (linha 12, verde, do metrô), que sai bem no meio da Place de Abbesses. E de lá conhecer o café da Amelie, a praça, e se dirigir a Place des Tertres e a Sacre Coeur. Depois de terminado o passeio, pode descer a pé ou de funiculare (bondinho) até a estação Anvers, para voltar ao centro da cidade.

IMG_1757

Vai viajar?
É preciso planejar!

Planeje sua viagem utilizando os serviços dos parceiros abaixo. Você não paga nada a mais por isso, e ajuda o SV a continuar produzindo conteúdo de qualidade e gratuito. =)

Curadoria de viagem

Receba uma vez por mês em seu e-mail nossas dicas cuidadosamente selecionadas e as novidades do mundo das viagens.

Deixe seu comentário

  • Cleandes

    Oi Marcella. Amei o seu blog. Parabéns! Então… Irei para Paris em maio de 2019. Plena primavera. Gostaria de ir para Versailles de manhã e a tarde ir para Giverny, conhecer os Jardins de Monet. É possível, mesmo sendo passeios um pouco distantes?! Abraço e obrigado.

    • Oi Cleandes, não acredito que seja possível e nem recomendo fazer isso. O melhor seria reservar um dia pra cada. Você sai de manhã para Versailles e depois ainda consegue aproveitar mais Paris, e faz o mesmo no outro dia (sai cedo para Giverny e na volta aproveita Paris).
      Abraços e boa viagem!

  • Eu amo Paris. Já estive lá algumas vezes e conheço quase toda a França. Eu amo a França. Às vezes eu penso que se existe reencarnação, eu devo ter morado por lá kkkkkk. Estou programando uma viagem para a Europa, Portugal, Espanha, França e Inglaterra. Já conheço todos esses, mas estou indo porque uns amigos me pediram para eu ir com eles como uma espécie de guia, para eles não irem em excursão porque excursão não presta.
    Mas gostei muito do seu blog Marcella. Isso que você diz ai para Roberto e Lúcia acho maravilhoso. Sentar em um café e ver a vida passar. Eu ainda recomendaria, apesar dos inúmeros cafés, eu adoro o Le deux Margots e o café de flore que ficam juntos e é muito legal o lugar.
    Obrigado pelas dicas Marcella
    Carlos

    • Carlos,
      Que legal sua conexão com Paris. Realmente, as vezes temos umas conexões que não tem muita explicação, né? Deve ser que vivemos la em outras vidas rsrs.
      Que legal sua viagem para guiar seus amigos! Depois conta pra gente como foi, e se descobriu algum novo segredinho!
      Ficamos felizes que você tenha gostado nos nossos textos, volte sempre por aqui!
      Boa viagem!!

    • Oi Fabio,
      Acho que você vai correr demais pra conseguir fazer tudo isso.
      Não é o recomendado porque Versailles dá quase um dia todo de passeio (e é mais longe para chegar), e Montmartre também rende bastante tempo.
      Mas, se você tiver muitaaaa energia e pouco tempo, vá bem cedo pra Versailles (chegue lá umas 8:30 para começar com os jardins e depois visitar o Castelo e o Trianon – verifique os horários de abertura no dia da sua visita).
      Lá para umas 15h, quando acabar de visitar Versailles, vá direto para Montmartre. Você chegará por volta de 16:30 e pode passar o fim do dia até a noite em Montmartre.
      É corrido? Bastante. É o que eu recomendaria? Não, porque você sai umas 7:30 do hotel e só volta a noitão depois de um dia intenso de passeios e muita, muita andança.
      Mas se não tiver jeito e você tiver disposto, vá sem medo porque você vai conseguir aproveitar sim. E reserve um bom hotel pra descansar depois a noite! Rs.
      Espero ter ajudado.
      Beijos e boa viagem. Paris é sempre linda.

  • Aii q delicia, já estou aqui viajando com os posts.
    Viajo para Paris em breve, e estou programando de fazer isso Sábado, será que consigo fazer em metade do dia? Pois volto para o Brasil no Sábado msm, porém somente a noite. Quero aproveitar ao máximo já que não terei outro dia livre para visitar esses lugares.

    • Bianca,
      dependendo do horário do seu vôo até dá sim!
      Da pra se programar pra fazer o roteiro com calma em 3 horas.
      Vá cedinho e volte com folga para se arrumar e ir pro aeroporto (cuidado pra não perder o vôo pelo amooor).
      Estou indo de novo pra Paris no começo de fevereiro! Então fica de olho aqui e no insta porque vamos ter novas dicas! =)
      Beijos e boa viagem!

  • Olá estarei em Paris no mês de janeiro e gostaria como chegar ao montmarte nosso hotel fica perto da Ópera Garnier 9 rua de lá micholione 75002
    Obrigado Debora

    • Olá Debora, o que você gostaria de saber exatamente?
      Vai chegar no aeroporto ou em estação de trem?
      Sem essas informações não consigo ajudar.. =/

  • Francisco Falci

    Gostaria de viajar com uma pessoa como você. Já estive em Paris 4 vezes, mas QUASE não saí da Champs Elisées. Conheci a Sacré Coer, num domingo, missa cheíssima, linda igreja, mas andamos pouco pelo bairro. Reparei que lá, as lojas de lembrancinhas são todas de árabes, vendendo produtos da China. Sinal dos tempos.
    Fomos de metrô. Gostaria de conhecer, melhor, a Rive Gauche e outros bairros, mas tem que ter tempo e meu filho não dispõe. Suas informações são muito interessantes, principalmente para quem nunca foi a Paris. Abraços

  • Contemporaneos , temos 60 anos e estamos viajando para Paris, o quê VCS , poderiam acrescentar para que pudéssemos usufruir o máximo .

    Agradecemos , anrtecipadamente ,

    Roberto Saraiva e Lúcia Saraiva

  • + Ver mais comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *