Bath, na Inglaterra: bate-volta de Londres e dicas do que fazer


Atualizado em:


Bath, na Inglaterra, é uma cidade de interior, a cerca de 150km do centro de Londres. É conhecida por suas águas termais, pelos banhos termais da era romana, e pelo “circus”, um ciírculo de casinhas que é patrimônio histórico de Londres. Há muito o que fazer em Bath e nesse post vamos mostrar tudo o que você precisa saber para planejar sua visita e como um bate e volta de Londres para Bath pode ser um programa perfeito para sua viagem. Confira o que você encontrará por aqui: 

-Por que visitar Bath, na Inglaterra?
-Como ir de Londres a Bath
-Meu roteiro em Bath, a pé, para 1 dia de viagem
-O que fazer em Bath? Lista de atrações turísticas
-Onde comer em Bath, restaurantes selecionados
-Valeu a pena visitar a cidade?

O que fazer em Bath

Bath, na Inglaterra: Rio Avon, e a Pulteney Bridge ao fundo

Por que visitar Bath, na Inglaterra?

A cidade é Patrimônio Mundial da UNESCO. Desenvolveu-se após a chegada dos romanos que transformaram a cidade em um local de banhos termais. Outra herança que deixaram foram algumas ruínas e edifícios Palladianos, um tipo de arquitetura italiana bem elegante. Porém, antes mesmo da chegada deles, a cidade era tida como especial. Inclusive há até uma lenda de que o fundador de Bath, Bladud, curou sua lepra ao mergulhar em lamas termais no local.

Mas além de ter muita história, Bath também ficou conhecida por ter sido casa da escritora Jane Austen por alguns anos, que usou a cidade como cenário de vários de seus livros. Imediatamente a cidade viropu um reduto de fãs da escritora. Atualmente, há uma casa/museu dedicada a ela, e todo ano acontece o festival da Jane Austen (Jane Austen Festival, em inglês), quando pessoas de vários lugares do Reino Unido se reúnem para honrar a autora.

estátua romana em Bath

Bath tem uma forte herança dos romanos

Ainda que seja uma cidade linda e agradável de se passear por vários dias, a maioria das pessoas faz um bate-volta de um dia partindo de Londres. Como nós não tínhamos tempo para dormir em Bath, também fizemos o passeio de um dia, e achamos que valeu muito a pena. Veja mais detalhes práticos abaixo.

Como ir de Londres a Bath?

Como dissemos anteriormente, a distância de Londres a Bath é de em torno de 150km. Existem várias excursões de um dia, feitas por diferentes operadores de turismo, que saem de Londres pela manhã e te levam para Bath de ônibus. No entanto, nós escolhemos ir por conta própria, de trem, e achamos bem fácil.

Os trens saem de London Paddington (PDA) e param em Bath Spa (BTH), com preços que variam de 18 a 90 libras por trecho, dependendo do horário, e em classe econômica. Pelo site da trainline, é possível ver todas as opções de tickets e comprar antecipado. O trem leva quase 1h30 e é uma viagem super confortável.

Eu saí de Londres as 9h para chegar em Bath antes das 11h, e depois peguei o trem de volta as 18h e estava em Londres as 19h30min para jantar! Essas 8h que fiquei na cidade foram o tempo suficiente para conhecer os principais pontos turísticos com calma, e ainda fazer uma pausa para um almoço tranquilo.

Meu roteiro em Bath, a pé, para 1 dia de viagem

Há várias atrações em Bath que são bem interessantes para conhecer. Mas o melhor de tudo é que é possível ver os principais pontos turísticos de Bath em um dia, fazendo tudo a pé, a partir da estação de trem ‘Bath Spa’. Veja abaixo o mapa de Bath e minha sugestão de rota, e perceba como a cidade é fácil de ser explorada:

mapa bath inglaterra

Foi esse roteiro em Bath que eu segui e achei que foi na medida. Marquei os pontos turísticos principais no mapa, mas abaixo farei uma lista mais detalhada do que fazer em Bath.

O que fazer em Bath? Principais pontos turísticos e atrações

1- Roman Baths

Sao os banhos de aguas termais construídos durante o Império Romano e super bem preservados ate hoje. A água é naturalmente quente, e servia como um Spa para os romanos que passavam pela região da Inglaterra. Fiz o passeio com audio guia (incluso com o ingresso) e achei que foi super interessante. Os ingressos custam £17.50 e podem ser comprados online.

Bath na Inglaterra

Entrada dos Banhos Romanos

Apesar de serem conservados, e das aguas termais continuarem fluindo no local, elas não são mais próprias para banho

Banhos romanos, super bem conservados

2- Abbey, a abadia de Bath

A abadia de Bath está localizada logo ao lado dos banhos romanos, e também é muito bonita. Eles não cobram entrada mas pedem uma doação na porta- o que faz as pessoas pensarem que precisam pagar. Eu dei uma doação, mas você não é obrigado a pagar nada.

Dos banhos romanos se vê a fachada da Abadia de Bath

Por dentro da Abadia

Belos vitrais

3- River Avon/ Pulteney Bridge

O Rio Avon corta Bath, contribuindo para uma bela paisagem. Alem disso, sobre ele está a única ponte do Reino Unido com comercio- Pulteney Bridge. Não é nada como a Ponte Vecchio rsrs, mas vale passar por la.

Bath se desenvolveu ao redor do rio Avon

As lojinhas da Pulteney Bridge

4- Guidhal Market

Bem em frente a Pulteney Bridge, você verá uma portinha sem muito alarde- é uma das entradas do Guidhal Market, um mercado que vende um pouco de tudo, mas com foco nas comidas, queijos, tortas, e etc.

Mercadinho

O Pequeno Guildhall Market, super fofo

5- Milsom Street 

Atravessando o mercado e saindo pelo outro lado, você pode subir a Milsom Street, rua de comercio mais famosa da cidade, onde circulam locais e turistas para fazer compras.

6-Jane Austen Centre 

A escritora Jane Austen visitou Bath inúmeras vezes, e por um tempo também morou na cidade com sua mae e irma. Em uma das casas que ela viveu por aqui, hoje esta o Jane Austen Centre, um pequeno museu dedicado ‘a autora. O ingresso de 12 libras inclui uma introdução de 20min com uma guia local, e depois você pode passear sozinho pela exposição, que conta a historia da vida de Bath na época em que a autora viveu lá, e que serviu de inspiração para alguns de seus livros.

Jane Austen em Bath

Jane Austen de cera na porta de sua antiga casa

Arvore Genealogica da familia de Jane Austen

Algumas partes do pequeno museu são interativas

7- Royal Crescent/Circus

Construída no Século XVII, a Royal Crescent é uma seqüência de 30 casinhas no estilo arquitetônico Georgiano que formam um semi circulo. Por ser uma dos principais construções nesse estilo, vale passar por lá.

As 30 casinhas idênticas e grudadas do Royal Crescent

Também no mesmo estilo arquitetônico, o Circus forma um circulo de casas em seqüência, atraindo turistas que amam arquitetura e historia.

E as casinhas do Circus

8- Fashion Museum

Um museu dedicado a moda de séculos passados, o Fashion Museum abriga diversos vestidos de festa da época vitoriana, dentre outras pecas da época. Custa 9 libras a entrada.

Onde comer em Bath? Minha escolha e mais dicas

O problema de se fazer um bate-volta para Bath é que não dá pra fazer muitas refeições por lá, e então é preciso escolher apenas um restaurante para comer na hora do almoço.

Eu tinha uma listinha de restaurantes que amigos me haviam recomendado, e que peguei de sites de viagem ingleses, mas no fim tive que optar por um só: a Marlboro Tavern, que foi recomendação de uma amiga inglesa que morou vários anos em Bath para fazer a faculdade.

A comida estava mesmo deliciosa, e o lugar era mega fofo com uma área externa. Alem de tudo, era zero turístico e só haviam pessoas locais comendo por lá. Ele fica atrás da Royal Crescent, um pouquinho fora do centro turístico, por isso eu almocei lá antes de conhecer a Crescent e dai segui com o meu passeio.

Marlborough Tavern, um clássico para os locais que vivem em Bath

Super fofa e tradicional por dentro

Versão mais moderna do tradicional Fish and Chips inglês – delicioso!

Outros restaurantes em Bath

Por fim consegui ir apenas em um restaurante, mas alguns outros que foram bem recomendados são: Yak Yeti Yak Nepalese food, Bathwick Boatman, Riverside Cafe, Tagine Zhor. Deixo a dica para quem tiver mais tempo na cidade. E se você conseguir visitar algum desses restaurantes, não deixe de contar sua experiência nos comentários.

Valeu a pena visitar Bath, na Inglaterra?

Eu já conhecia muito bem Londres e estava com alguns dias livres na cidade. Como fã de Jane Austen e procurando conhecer destinos novos, a visita a Bath valeu super a pena pra mim. Na minha opinião, se você está em sua primeira viagem a Londres, o melhor é dedicar esses dias para conhecer a capital inglesa. Mas se vai passar uma longa temporada na cidade ou já visitou Londres antes, então vá para Bath sem medo e aproveite o dia. Com certeza será um passeio super agradável. Uma outra opção legal para bate e volta é Oxford.

Espero que vocês tenham gostado do post. Qualquer dúvida pode deixar aqui nos comentários do site que vamos adorar responder. E não deixem de conferir mais dicas de Londres e da Inglaterra.

Vai viajar?
É preciso planejar!

Planeje sua viagem utilizando os serviços dos parceiros abaixo. Você não paga nada a mais
por isso, e ajuda o SV a continuar produzindo conteúdo de qualidade e gratuito. =)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curadoria de viagem

Receba uma vez por mês em seu e-mail nossas dicas cuidadosamente selecionadas e as novidades do mundo das viagens.