O que fazer no Rio de Janeiro: roteiro além da praia


Atualizado em:


Se você já anotou nossas dicas para conhecer o Rio de Janeiro em uma primeira visita, ou se já visitou o Rio antes, mas só conheceu o básico do básico, você está pronto para ir ao próximo nível e explorar mais da cidade maravilhosa! Veja aqui as minhas dicas para curtir algumas atrações um pouco menos óbvias desse verdadeiro paraíso. Não se esqueça que o Rio de Janeiro é também uma grande metrópole e, por isso, tem inúmeras opções de passeios e bons segredos, que vão muito além das praias.

Como já disse no título, neste texto não vou dar dicas de praias. Primeiro por falta de conhecimento mesmo – sou tão apaixonada pela vibe do Rio como cidade que raramente “gasto” tempo na praia quando vou para lá. E segundo por querer destacar outros lugares que valem a pena conhecer na sua próxima visita a Cidade Maravilhosa.

Alguns dos pontos que vou mencionar aqui são bem famosos, mas tenho a sensação de que muitas vezes são deixados de lado, então não custa reforçar. Anota aí:

Região central: Palácio do Catete (Museu da República), Escadaria Selarón e Arcos da Lapa

O Centro do Rio de Janeiro merece pelo menos um dia inteiro só para ele, de preferência um dia de semana, quando há mais coisas abertas e o movimento de cariocas é mais intenso. Mas antes de chegar lá, comece o dia no Palácio do Catete, que costumava ser a sede do governo brasileiro. Lá dentro está o Museu da República, onde é possível ver o pijama que Getúlio Vargas usava quando se matou e sua carta de suicídio. As visitas acontecem de terça a sexta, das 10h às 17h e a entrada custa R$6,00.

Detalhe da Escadaria Selarón, no centro do Rio

Siga andando até a Escadaria Selarón. A escada recebeu o nome do seu criador, Jorge Selarón, que em 1990 resolveu revestir esse cantinho de azulejos, fazendo uma verdadeira obra de arte. Logo ali ao lado estão os Arcos da Lapa. A construção é um dos acessos ao bairro de Santa Teresa. Hoje é um ponto lindo para fotos e uma referência na cidade. Os arcos marcam o início da Lapa, bairro famoso pelos bares com rodas de samba todos os dias da semana.

Entre livros e doces, ainda no centro: Theatro Municipal e Confeitaria Colombo

Continuando o passeio, passe em frente ao imponente Theatro Municipal, na Cinelândia e conheça a Biblioteca Nacional, na mesma Praça Floriano. Emende em outra biblioteca, o impressionante Real Gabinete Português de Leitura. Em um espaço bem pequeno, um acervo de 350 mil livros surpreende o visitante que passa por ali. Não deixe de entrar, é de graça!

Faça uma paradinha pra um café na Confeitaria Colombo

Faça uma pausa na maravilhosa Confeitaria Colombo. A casa é uma das joias mais tradicionais da cidade, aberta desde 1894. Instalada em um prédio histórico, a Confeitaria Colombo é, claro, famosa pelos doces, que são realmente uma delícia. Mas fora isso, as paredes espelhadas e o piso de um azulejo super decorado são lindos lindos lindos. A Colombo oferece almoço e é uma pedida incrível para um cafézinho no meio da tarde. Há uma filial dentro do Forte de Copacabana, mas, na minha opinião, a graça toda está na matriz.

A centenária confeitaria tem um visual impressionante

Em seguida, dê pelo menos uma passada na Igreja da Candelária. A catedral da cidade ficou mais famosa pelo massacre que aconteceu na sua frente, quando em 1993, oito jovens moradores de rua foram assassinados sem mais nem menos. Na Igreja em si eu não me lembro se já entrei, mas ali na porta é possível ver uma homenagem aos garotos. Foi ali na Candelária também que ficou a pira olímpica durante os Jogos Olímpicos de 2016.

Quando viajo, gosto de passear pelo centro em dias úteis, para ver o lugar em seu funcionamento normal. Mas se você estiver na cidade no primeiro sábado do mês, volte ao centro para um passeio a Feira do Rio Antigo, que acontece na rua do Lavradio. Dezenas de barraquinhas ocupam a via para vender artesanato, antiguidades e mais um monte de coisas bacanas.

Museus no centro do Rio de Janeiro

A cerca de 10 minutos a pé da Candelária fica a Praça Mauá, onde estão o Museu de Arte do Rio (MAR) e o Museu do Amanhã. O MAR abriga um acervo que promove uma leitura transversal da história da cidade. Já o Museu do Amanhã é um museu de ciências com foco em inovações, como o nome indica. Ambos custam R$20,00 e têm entrada gratuita às terças. Seguindo pela Avenida Rodrigues Alves, dê uma voltinha pela região do Porto Maravilha, que costumava fazer parte do porto da cidade e hoje foi revitalizada.

Para finalizar, vá ao Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB). O lugar reúne museu, com exposições temporárias incríveis e gratuitas, cinema e teatro a preços super acessíveis. Atrás dele, nos arredores da Praça XV, uma série de barzinhos lotam na hora do happy hour.

Complemente sua leitura: 7 museus imperdíveis no Rio de Janeiro

Uma esticadinha do passeio no centro

Você também pode aproveitar essa passagem pela região central para conhecer o simpático bairro de Santa Teresa, que fica pertinho da Lapa, mas em cima de uma colina. O bairro tem ares meio antiguinhos, mas é palco de uma cena cultural e uma vida boêmia vibrantes. A pedida é andar sem pressa pelas suas vielas – com disposição para subir e descer ladeiras. Para chegar lá você pode subir a pé, de táxi ou com o famoso bondinho, que passa em cima dos Arcos da Lapa. Ele sai da rua Lélio Gama, perto da estação Carioca do metrô e custa R$20,00 ida e volta.

A Lagoa Rodrigo de Freitas é perfeita para um passeio de bicicleta

Zona sul do Rio: você realmente não pode perder

Na zona sul, saindo da praia do Leblon, é possível caminhar até a famosíssima Lagoa Rodrigo de Freitas. Foi nela que aconteceram algumas competições de remo e canoagem durante as Olimpíadas. Aqui, a pedida é alugar uma bicicleta, passear na ciclovia que contorna a Lagoa e depois descansar tomando uma água de coco e aproveitando a vista.

A clássica vista das palmeiras imperiais com o Cristo Redentor ao fundo

Gávea

Indo mais para o oeste, o bairro da Gávea abriga o maravilhoso Instituto Moreira Salles. Um centro cultural instalado em uma mansão belíssima que reúne exposições, cinema e café. O IMS funciona de terça a domingo das 11h às 20h e a entrada é gratuita. Não dá pra perder.

Na mesma região, outra ótima opção é o Jardim Botânico, que fica no bairro homônimo. O parque é considerado um dos maiores e mais ricos do mundo e chama atenção principalmente pelas enormes palmeiras imperiais na entrada, são lindíssimas e imponentes Ele fica aberto todos os dias e o ingresso custa R$15,00.

Dentro do Parque Lage funciona uma escola de artes

Por último, mas não menos importante, o Parque Lage. Ele fica perto do Jardim Botânico e reúne parque, escola de artes e paisagem maravilhosa. É um lugar romântico e perfeito para fotos e um piquenique. O acesso é livre todos os dias da semana.

Aproveite um dia de sol para fazer um piquenique com vista para o Cristo

Mais um pouquinho do Rio de Janeiro

Se você tiver ainda mais tempo pela cidade, temos algumas dicas extras. O Aterro do Flamengo, por exemplo, é uma boa pedida. Um parque enorme na beira da praia do Flamengo, abriga o Museu de Arte Moderna do Rio (MAM) e, aos finais de semana, costuma ficar lotado de pessoas praticando esportes. No carnaval, o Aterro é palco de inúmeros blocos, como o conhecido Bloco do Sargento Pimenta e a Orquestra Voadora (famosos e lotadérrimos).

O Aterro do Flamengo é mais um dos lugares do Rio com uma vista privilegiada

E uma boa maneira de terminar a sua visita ao Rio de Janeiro observando-o de cima, mas dessa vez investindo em um local um pouco menos cheio. A Vista Chinesa é quase que um segredinho e oferece um visual um pouco diferente dos tradicionais Corcovado e Pão de Açúcar, além de ser infinitamente mais vazia.

Encerre o dia tomando uma cerveja gelada e curtindo o agito da Mureta da Urca, um dos lugares mais cariocas do Rio. Depois de tudo isso, eu te garanto, não tem como não se apaixonar pelo Rio de Janeiro!

Vai viajar?
É preciso planejar!

Planeje sua viagem utilizando os serviços dos parceiros abaixo. Você não paga nada a mais
por isso, e ajuda o SV a continuar produzindo conteúdo de qualidade e gratuito. =)

Deixe comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curadoria de viagem

Receba uma vez por mês em seu e-mail nossas dicas cuidadosamente selecionadas e as novidades do mundo das viagens.