Onde comer em Moscou – dicas de restaurantes


Atualizado em:


Como qualquer outra cidade grande e cosmopolita, Moscou conta com diversos bons restaurantes, nos mais variados estilos e preços. Uma coisa que é interessante de notar, é que ha uma variedade bem grande de restaurantes que servem comida de países que antes formavam a União Soviética, ou países do leste Europeu/Ásia central em geral. Vale a pena provar não só os restaurantes de comida russa, como também se aventurar na comida da Georgia e da Ucrânia, por exemplo.

Abaixo listo os lugares que fomos e recomendamos. Há desde lugares de comida mais rápida e por bons preços, até os restaurantes mais refinados. Muitas dessas dicas vieram, claro, dos meus amigos moscovitas que me receberam por lá! Confira:

1- Cafe Pushkin

Este restaurante é bem conhecido, inclusive em vários guias de viagens. Ainda assim, ele é uma atracão. Os vários ambientes da mansão onde ele está localizado emanam uma elegância e um arzinho de antiguidade, sem contar que cada salão tem um tema: há a biblioteca, a farmácia, a sala de jantar, etc. A comida é tipicamente russa, mas como o restaurante já é bem famoso entre os turistas internacionais, há uma ou outra opção mais conhecida por nós ocidentais. Ainda assim, recomendo entrar no clima e pedir algo típico. Os preços são mais elevados, e o restaurante é bem fino, então é recomendado vestir-se bem e, claro, fazer reserva.

A linda fachada do Cafe Pushkin durante o Natal

O clássico interior (ambiente da biblioteca)

2- White Rabbit

Ainda no clima mais elegante, o White Rabbit é um restaurante de cozinha europeia que fica no último andar de um shopping que vende marcas de luxo. O que mais atrai no restaurante, além da boa comida e do ambiente chic, é a vista que se tem da cidade, através das enormes paredes de vidro do restaurante. Nem precisa falar que é bom fazer reserva, né?

A vista linda do White Rabbit (peguei essa foto da Time Out magazine porque a minha ficou super escura- então fica a dica para ir um pouco mais cedo, enquanto ainda esta meio claro!)

3- Teremok

Nem só de restaurantes chiques vive Moscou, e todo mundo precisa de uma opção rápida, gostosa e barata quando estiver na correria de turismo. O Teremok é uma rede de fast food que serve tradicionais crepes russos. Com diversas localizações em Moscou e St. Petersburgo, é uma ótima opção para um café da manhã mais reforçado, um almoço entre um passeio e outro, ou até mesmo um lanchinho quando bater a fome da tarde. São vários crepes doces e salgados, a preços bem amigáveis.

O balcão dos Teremok são sempre assim, como qualquer outra rede de Fast Food (Ph: My Guide Moscow)

Mas daí a comida é bem diferente dos fast food que conhecemos: estes deliciosos crepes tipicamente russos

4- Stolovaya 57

Localizado dentro da loja de departamentos GUM, esse restaurante na verdade é uma cantina no estilo soviético. Para quem quer ter uma verdadeira experiência, essa é uma ótima opção para se sentir como os trabalhadores da época da URSS. Você entra na fila, escolhe os pratos que quer (a moça do balcão geralmente não fala inglês, mas dá pra se virar apontando), pesa e paga. Daí basta achar uma mesa no enorme salão, e sentir-se na URSS. Vale ressaltar que a comida é bem típica mesmo, e nem um pouco adaptada para os turistas, mas nós achamos a experiência muito legal (além de ser super em conta e estar localizado dentro da praça vermelha).

O Balcão para pegar comida (Ph: Delta Sky Magazine)

O interior do salão da cafeteria, bem aconchegante

5- Odessa-mama

Esse restaurante estilosíssimo e super descolado não é apenas mais um restaurante de comida ucraniana- ele serve apenas comidas típicas da cidade de Odessa. Parece específico demais, não? Mas é incrível. Umas das melhores comidas que experimentei em Moscou, sem contar que o ambiente é super agradável com uma decoração bem diferentona. As melhores coisas que provamos por lá foram o Borsch (sopa de beterraba com carne- divina, sonho com ela ate hoje) e os Varenyky, uma espécie de raviolis servidos apenas com manteiga e cebola.

A fachada do Odessa mama

Uma coisa maravilhosa chamada borsch

Os saborosos varenykys

Vai viajar?
É preciso planejar!

Planeje sua viagem utilizando os serviços dos parceiros abaixo. Você não paga nada a mais
por isso, e ajuda o SV a continuar produzindo conteúdo de qualidade e gratuito. =)

Deixe seu comentário

  • Maria do Carmo Dias

    Obrigada!
    Adorei a partilha sobre a vossa experiência pela Terra dos Czares .
    Ajudará outros viajantes!
    A mim, já me ajudou.
    Parabéns!

    • Maria, obrigada a você pelo comentário! Adoramos receber feedback dos nossos textos.
      Semana que vem vamos publicar um post sobre quanto custa viajar para a Rússia, talvez possa te ajudar com alguns valores de referência. =)
      Beijos e obrigada pelo carinho

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curadoria de viagem

Receba uma vez por mês em seu e-mail nossas dicas cuidadosamente selecionadas e as novidades do mundo das viagens.