Baladas (boliches) em Buenos Aires


Atualizado em:


A noite de Buenos Aires é uma loucura . Pra começar, eles fazem tudooo mais tarde do que somos acostumados, exemplo:
Aos finais de semana jantam umas 21h, vão para o bar por volta de meia-noite e a balada mesmo só começa depois das 2:30 da manhã (e acredite, 2:30 ainda é cedo para os padrões portenhos!). Dá até tempo de dar uma bela dormida antes de sair…

Se quiser jantar, veja a lista que fizemos dos melhores restaurantes de Buenos Aires.
Depois, se quiser ir a algum bar, veja quais foram os bares mais legais que fomos na cidade.
Em seguida, você pode escolher fechar a noite em algum desses boliches (como eles chamam as baladas por lá). Cada uma tem um estilo, veja qual combina mais com você.

Rosebar:

Clássica, pra quem não quer correr o risco de errar, pois toca de tudo, as duas pistas são grandes e as pessoas são bonitas. Fica em Palermo e só entra se estiver arrumadinho pra balada (os argentinos normalmente saem bem menos produzidos que os brasileiros, mas essa balada tem dress code).

Jet Lounge:

Outra balada clássica de B’s A’s, é a mais almofadinha de todas e vive tendo evento VIP e exclusivo. Fica na Costanera, perto da Pachá (que anda bem caída) e da Terrazas (pode ser uma outra opção também, pois é gigante e sempre tem gente). Tem uma vista linda para a marina e vai ter gente phyna de todos os países do mundo.

Kika:

Super tradicional em Bue, cheeeia de argentino, gringo, novinhos, mais velhos, gente bonita, feia.. resumo: tem de tudo! Fomos em uma sexta-feira e (meu Deus do céu) como estava cheia de gente!! Digo mais, dizem que é a balada da paquera, e tinha muitoo homem (uns 5 para cada mulher) e muita mulher atrás desses homens também (momento sinceridade!). Então, se você quiser ir para uma balada para paquerar e conhecer gente, esse é o seu lugar.

Modena:

Um bar/restaurante que vira balada nos finais de semana. É na frente da faculdade de direito e é mais tranquilo.
Foi indicação de duas argentinas amigas nossas que dizem que sempre tem algo legal rolando por lá, mesmo se não for balada muito “pesada”.

CroBar:

Há Crobar em NY, Chicago, Miami e… Buenos Aires. É boa para ir de sexta-feira, quando tem uma festa chamada MSTRPLN (Masterplan). Sábado é dia de música latina.
A balada fica num lugar difícil de achar, no final de uma ponte/viaduto, então não desista. Se estiver perto dos bosques de Palermo, está no caminho certo.

Sugar Bar:

Um bar/balada que sempre vive cheio de gringos. Por isso, é uma opção mais certeira se você quiser sair nos dias da semana e estiver sem alternativas.

 

Sempre vale a pena entrar no site ou página do facebook de cada balada antes de se programar, e ver se rola alguma programação especial durante a semana ou na noite que quer ir. As vezes tem entrada mais barata com nome na lista também (e é só mandar o nome por e-mail na maioria dos casos). Não custa tentar! 😉

 

Vai viajar?
É preciso planejar!

Planeje sua viagem utilizando os serviços dos parceiros abaixo. Você não paga nada a mais por isso, e ajuda o SV a continuar produzindo conteúdo de qualidade e gratuito. =)

Curadoria de viagem

Receba uma vez por mês em seu e-mail nossas dicas cuidadosamente selecionadas e as novidades do mundo das viagens.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *