Por dentro do maior festival de cerveja do mundo- a Oktoberfest


Atualizado em:


Todos os anos, há mais de 200 anos, Munich, na região Alemã da Bavária, vira uma loucura no final de Setembro. É que nos 16 dias que precedem o primeiro final de semana de outubro acontece a Oktoberfest!

Na Alemanha os Volksfest (Festivais de cerveja) são comuns pelo país todo, mas o mais famoso acabou sendo este de outubro na Bavária, tornando-se um dos maiores festivais do mundo.

Todos os anos, pessoas do mundo todo (com uma ênfase para os italianos que, de uns anos pra cá, tem tomado conta da Oktober) viajam para Munich para acompanhar esse evento único da cultura alemã e se divertir como só eles sabem. Em média são consumidos mais de 6.900.000 litros de cerveja por mais de 7 milhões de visitantes. Tudo isso acompanhado de mais de 500.000 frangos assados e 300.000 linguiças- as comidas mais típicas do festival. (fonte: oktoberfest.net)

A febre do Oktoberfest é tanta que hoje é possível encontrar “cópias” do festival em diversas partes do mundo (em menor escala, claro). Então, para você entender melhor essa febre do Oktoberfest, criamos um guia básico sobre o festival:

A HISTÓRIA

A Oktoberfest original surgiu em 13 de Outubro 1810 em Munique. No primeiro ano a festa foi uma celebração do casamento do Príncipe Ludwig I com a princesa Teresa, para o qual todas as pessoas da região foram convidadas. Nos anos seguintes a festa foi mudando de propósito e era uma celebração para a feira agrícola da região. No entanto, com o passar do tempo, o formato que conhecemos hoje foi se desenvolvendo e transformando a Oktober em uma verdadeira ode à cerveja.

Uma foto de uma das entradas que a Oktober já teve no passado (imagem: reprodução)

Uma foto de uma das entradas que a Oktober já teve no passado (imagem: reprodução)

A festa só foi cancelada nos seguintes anos: 1854, devido a uma epidemia de cólera; 1866, quando a Bavária estava em guerra com a Prússia; 1873 devido à cólera outra vez; 1923 e 1924 devido à crise econômica; 1939 a 1945 devido à Segunda Guerra Mundial. De 1946 a 1950, a festa foi substituída por um “festival de Outono” com uma cerveja mais leve. A partir de 1950, a festa voltou a ser o que é hoje. (Oktoberfest.net)

A CIDADE

Munique (em Alemão, München) é a capital do estado da Bavária, que fica no sul da Alemanha. Uma cidade que une o tradicional ao moderno, Munique atrai turistas o ano inteiro. Os principais pontos turísticos são a Marienplatz (praça central), o museu da BMW, os diversos museus e galerias de arte da cidade, o Englischer Garten ou Jardim Inglês, o Munich Residensz (antigo palácio real do governo da Bavária) e o castelo de Nymphenburg. Além desses pontos, vale lembrar que a Allianz Arena (do time Bayern München) também fica por lá!

Se você for pra Oktoberfest (ou para Munique em outra ocasião), recomendamos se hospedar perto da Marienplatz ou da estação de trem, pois têm fácil acesso para os pontos turísticos da cidade, e para o local onde está o festival. Veja aqui boas opções de hotel em Munique.

Munich - à esqueda o local do festival, logo acima é possivel ver a estação de trem, e à direita da estação a Marienplatz

Munich – à esqueda o local do festival, logo acima é possivel ver a estação de trem, e à direita da estação a Marienplatz

A ESTRUTURA

Em uma área de mais de 400.ooo metros quadrados encontram-se 14 tendas grandes e 20 tendas pequenas. Cada tenda abriga uma cervejaria da região e várias mesas coletivas (aquelas de madeira que vários bares no estilo “biergarten” tem, sabe?). Chegando no local, você escolhe uma tenda que tenha mesa vaga, se acomoda, e pede sua cerveja para uma das famosas bávaras que carregam mais de 8 canecas de um litro de uma vez só. Não precisa pagar ingresso pra entrar no festival e nem fazer reserva nas tendas, é mais no esquema “chegou-pegou”.

Uma visão geral de uma das tendas do festival (Imagem: reprodução)

Uma visão geral de uma das tendas do festival (Imagem: reprodução)

A CERVEJA

A cerveja da Oktoberfest é do tipo Märzen, que significa Março em Alemão, ou seja, a cerveja é produzida no mês de março. Ela é um pouco mais forte e pesada que a cerveja Pilsen que estamos acostumados no Brasil e, por regra do festival, só pode ser servida se produzida por alguma das 6 cervejarias certificadas de Munich: Augustiner-Bräu, Paulaner-Bräu, Hacker-Pschoor-Bräu, Lowënbräu, Spatenbräu, Staaliches-Hofbräu-München.

As alemãs que carregam 8 litros de chope de uma vez!!!

As alemãs que carregam 8 litros de chope de uma vez!!! (Imagem: reprodução)

Você provavelmente já viu alguma dessas cervejas a venda no Brasil pois a Paulaner e a Hofbräu, por exemplo, já ficaram bem popularizadas pelo mundo.

Durante a Oktober essas cervejas são vendidas nas canecas de 1 litro por 10 Euros (preço de 2015). Você não pode levar a caneca pra casa mas pode comprar uma em qualquer loja de souvenir da cidade por cerca de 20-30 euros.

A COMIDA

Nas tendas da Oktoberfest são vendidos diversos pratos típicos da Bavária, incluindo peixe, massas e, principalmente, porco. É uma culinária pesada mas muito saborosa que conta com alguns pratos que, na nossa opinião, são indispensáveis:  O primeiro é a Weisswurst, a salsicha branca. Além de uma comida tipicamente alemã, essa salsicha harmoniza perfeitamente com a cerveja Märzen, então é uma ótima pedida. Vai bem também um Pretzel, aquelas massinhas assadas em formato de laço. Se quiser algo mais substancioso, é o Schweishaxe ou o Shweinbraten, o joelho e o lombo do porco, respectivamente.

Frango assado, Wisswurst e outros quitutes alemães servidos na festa (Imagem: reprodução)

Frango assado, Wisswurst e outros quitutes alemães servidos na festa (Imagem: reprodução)

A ROUPA

É muito comum ver alemães (e turistas) vestidos à caráter na Oktoberfest. E à caráter significa usar Dirndl (para mulheres) e Lederhosen (para homens). O vestido com corpete e o shorts (originalmente de couro) com suspensórios são roupas tipicamente camponesas do sul da Alemanha e viraram um símbolo do Oktoberfest. Se você quiser entrar no clima, várias lojas de souvenirs de Munique vendem os trajes por cerca de 120 Euros, mas você pode comprar antes pela internet e encontrar por um pouco menos!

É comum ir vestido à caráter (Imagem: reprodução)

É comum ir vestido à caráter (Imagem: reprodução)

________________

A Oktoberfest conta com diversas outras tradições como hinos cantados diversas vezes ao longo do dia, ou mesmo a “inauguração da festa”, quando o prefeito de Munique quebra o primeiro barril de cerveja. Para sentir o clima mesmo, só estando lá, mas a gente espera que esse guia básico para entender o festival te dê vontade de planejar uma viagem pra lá nos próximos anos!

 

 

Vai viajar?
É preciso planejar!

Planeje sua viagem utilizando os serviços dos parceiros abaixo. Você não paga nada a mais
por isso, e ajuda o SV a continuar produzindo conteúdo de qualidade e gratuito. =)

Deixe comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curadoria de viagem

Receba uma vez por mês em seu e-mail nossas dicas cuidadosamente selecionadas e as novidades do mundo das viagens.