Guia para conhecer o “spanish Harlem” ou “El Barrio” em NY


Atualizado em:


Latinos de diversos países do continente imigram para os Estados Unidos já faz alguns anos. Desde a época da Revolução Cubana, quando milhares de pessoas fugiram pelo mar procurando abrigo na América, passando pelos centro-americanos de El Salvador, Nicaragua e Honduras, e finalmente, chegando nos Mexicanos que cruzam a fronteira em busca de uma vida melhor, a comunidade latina vem se fortalecendo cada vez mais na terra do tio Sam. Hoje em dia, são bairros onde sequer se fala inglês, supermercados onde não vemos Bacon e Oreos, mas sim “ají”, “palta”, “chiles”, “tortillas”, etc.

Estes bairros são verdadeiros redutos culturais latinos e, justamente por isso, são super interessantes. Nós já falamos da Calle Ocho e de um restaurante cubano incrível em Miami aqui nesse post. Mas recentemente descobrimos outro reduto latino que adoramos: o East Harlem, também conhecido como “Spanish Harlem” e “El Barrio”.

O East Harlem fica logo acima do Upper East Side, em Mahattan, conforme é possível ver no mapa

O East Harlem fica logo acima do Upper East Side, em Mahattan, conforme é possível ver aqui

O mais interessante é que antes de ser um bairro de imigrantes latinos, o East Harlem já foi também a casa de imigrantes italianos, e mantém alguns lugares dessa época. Além disso, hoje em dia o bairro está sendo renovado, e não para de ganhar lugares descolados, como galerias de arte e bares. Resumindo: você vai encontrar ótimas cantinas italianas, uma vibrante cultura latina, e destinos descolados – TUDO EM UM SÓ LUGAR!

Nós desbravamos o bairro todo e selecionamos algumas coisas que vocês não podem deixar de ver. Recomendamos começar um passeio pela manhã, almoçar por lá, e depois já seguir caminho para outros passeios em outras regiões (por exemplo, a “Museum Mile”, que fica no Upper East Side e tem os maiores e mais famosos museus de NY fica pertinho de lá).

Passeios

Street art: O East Harlem está se tornando um destino de grafiteiros famosos! Passear por lá é dar de cara com arte em muros pelo caminho.  O graffiti é tão importante para a região, que há alguns anos um projeto chamado “Los muros Hablan” promove a pintura de obras a céu aberto que representem a herança e a história latina do East Harlem.

Existem alguns mais famosos, tais como: o mural do Keith Haring “Crack is Wack” (Harlem River Dr and 2nd street); o enorme desenho de um menino do artista “Viajero” (113th Street and 2nd Avenue); O mural do artista “KingBee” com imagens que homenageiam os símbolos mais famosos do Harlem (118th Street and 3rd Ave); e o famosíssimo “The Spirit of East Harlem” (1651 Lexinton Ave), que foi iniciado na década de 70.

Segredo: Fique de olho nos prédios que têm a lateral sem janelas, os graffitis mais imponentes costumam estar no alto!

Fria: Não caia nos guias que te dizem para conhecer o “Graffiti Hall of Fame”. Isso nada mais é do que uma quadra em um centro de convivência de jovens com alguns graffittis em duas paredes. Nós fomos e achamos que não vale a viagem; os graffitis isolados são mais interessantes.

Crack is Wack Mural

Um mural pelo EastHarlem...

O mural iniciado em 1973, Spirit of East Harlem

O mural iniciado em 1973, Spirit of East Harlem

 

Thomas Jefferson Park: O parque é bem pequeno se comparado ao seu quase vizinho central park, mas ele é destino de moradores locais para se exercitar, passear e curtir o verão nas piscinas públicas.

Segredo: em frente ao parque você pode encontrar um pequeno jardim público patrocinado pela joalheria Tiffany & Co. É um espacinho lindo onde os moradores da região podem fazer eventos, picnics, jogar com as crianças, ou apenas ler.

O Parque

O Parque

O jardim patrocinado pela Tiffany & Co.

O jardim patrocinado pela Tiffany & Co.

Casinhas fofas na frente do parque

Casinhas fofas na frente do parque

El Museo del Barrio: O museu valoriza a arte da comunidade local e que retrata a América Latina e o Caribe. As obras são divididas em 4 categorias: a primeira são pinturas da época pré colombina; a segunda são obras gráficas; a terceira são obras contemporâneas e, por fim, obras de cultura popular latina. Achamos interessante que o museu mostra esse lado artístico latino, como o Pérez Art Museum em Miami, que postamos aqui. Mais informações no site deles.

Segredo: O mural “Spirit of East Harlem”, que falamos acima, fica pertinho do museu.

museo del barrio

 

Comer e Beber

Rao’s: Hoje a marca Rao’s é vista por vários supermercados dos EUA já que é um império dos molhos de tomate. Mas tudo começou num restaurantinho de esquina, bem em frente ao Thomas Jefferson Park. É comum ver o casal italiano que toca a casa até hoje e serve massas tradicionalíssimas e deliciosas! Fica na Esquina da 114th street com a 455 E Street.

Spanish Harlem

Spanish Harlem

Patsy’s Pizzeria: A pizza mais tradicional do spanish Harlem, Patsy’s abriu as portas em 1933! A pizzaria começou com um casal de imigrantes italianos e rapidamente virou um lugar queridinho do bairro. Nos anos 70, Francis Ford Coppola virou frequentador e a pizzaria ganhou fama e, até hoje, é um lugar tradicionalíssimo que serve ótimas pizzas! Fica na esquina da First Ave com a 118th street.

patsy's

TacoMix: Um restaurante meio fast food que vende tacos autenticamente mexicanos e que só existe no Harlem. Eles servem os melhores tacos da cidade e, por isso, nenhuma franquia do Chipotle (que é uma rede de comida Mexicana super americanizada e bem popular nos EUA) nem tentam abrir uma loja por lá. O lugar é bem simples e os preços super justos. Além da comida ser divina! Vale a pena! Fica na 234 E 116th St. 

Foto: Gothamist

Foto: Gothamist

Ricardo Steakhouse: Se quiser um lugar mais arrumadinho (e também mais caro se comparado aos restaurantes da região), esse é o lugar. Com uma carne de primeira, o que a gente achou mais legal mesmo nesse restaurante foram as várias opções de mix para mimosas (drink feito originalmente com champagne e suco de laranja e tomado em brunchs). Fica na 2145 2nd Avenue.

Os mixes de Mimosa do Ricardo's

Os mixes de Mimosa do Ricardo’s

E aí, você já conhece o Spanish Harlem? Tem alguma dica legal de lá? Ou ficou com vontade de conhecer?

 

Vai viajar?
É preciso planejar!

Planeje sua viagem utilizando os serviços dos parceiros abaixo. Você não paga nada a mais por isso, e ajuda o SV a continuar produzindo conteúdo de qualidade e gratuito. =)

Curadoria de viagem

Receba uma vez por mês em seu e-mail nossas dicas cuidadosamente selecionadas e as novidades do mundo das viagens.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *