Dicas de Mykonos: o melhor da ilha

Mykonos é a queridinha dos brasileiros, e não é por menos. Uma das ilhas mais agitadas e badaladas da Grécia, oferece uma ótima infraestrutura para quem gosta de se hospedar com charme, comer bem e pegar praia com total apoio e serviço completo. Isso sem contar das baladas, festas e beach clubs, que são os principais atrativos da ilha. Resolvemos resumir o melhor da ilha nesse post com todas as nossas dicas de Mykonos.

Foto do centro de Mykonos Town, casas brancas com detalhes em azul. Essas e mais dicas de Mykonos no Segredos de Viagem

O agitado centrinho de Mykonos Town no final do dia.

Tem dicas de hotéis em Mykonos para todos os bolsos e estilos de viagem, tem dica dos melhores beach clubs da ilha, com as praias mais famosas e com excelentes restaurantes. Além disso, no final do post damos outros 3 conselhos que todo viajante deveria saber antes de ir pra Mykonos. Confira!

Dicas de hotéis em Mykonos

Tente reservar com a maior antecedência possível. É incrível como os hotéis esgotam rápido e como os preços ficam estratosféricos mesmo dois ou três meses antes do verão.

-Os hotéis mais luxuosos são: Cavo Tagoo, Mykonos Blu, Belvedere, Santa Marina, e Mykonian Ambassador. Mas espere pagar bem caro durante a alta temporada (julho e agosto). Nos meses de junho e setembro os preços já ficam menos ultrajantes.

-Hotéis 4 e 3 estrelas: Manoula’s Beach Hotel (maravilhoso hotel 4 estrelas que eu fiquei e recomendo!), Petasos Beach Resort e Spa (ainda na linha do Manoula’s, um hotel 4 estrelas mais arrumadinho), Mykonos Beach Hotel (um ótimo 3 estrelas com vista para o mar). Por fim, o Kamari Hotel e o Petinos Hotel que tem preços muito mais convidativos e mantém uma excelente qualidade, para quem procura um bom custo-benefício.

Área externa do Manoula's Beach Hotel

Área externa do Manoula’s Beach Hotel

-Hotel para os baladeiros de plantão: Tropicana Hotel, sem dúvidas, porque fica do lado de várias baladas, inclusive a Cavo Paradiso que é a melhor da ilha.

-Para grupos que buscam economia e não ligam de ficar no meio da ilha (sem estar pertinho das praia) ou que não ligam de ter piscina: Eleni’s Village Suites.

-Hotel que eu fiquei em Mykonos: Manoula’s Beach Hotel. Adorei minha estadia, o quarto me surpreendeu pois estava inteiro reformado e novo, diferente das fotos que tinha visto dos quartos antigos. Foi uma surpresa agradabilíssima.

Nosso quarto no Manoula's Beach Hotel, em Mykonos

Nosso quarto no Manoula’s Beach Hotel, em Mykonos

Paguei 250 euros na altíssima temporada (meio de agosto). Pode parecer muito, mas na verdade foi um belo achado, na minha opinião. Se você olhar agora (setembro de 2017) os preços para agosto de 2018 já começam em 100 euros para um hotel de 1 estrela e estão em torno de 200 euros para um hotel 3 estrelas (pode ser que apareçam promoções como a que eu achei, fique de olho no booking.com). Tudo pra dizer que sim… Mykonos realmente é muito cara e concorrida.

Os melhores beach clubs de Mykonos

O famoso Nammos, ponto de encontro de yatchs e celebridades internacionais na praia de Psarou. Decoração mais praiana com mesinhas brancas e muita ostentação depois do almoço, quando o lugar ferve, a música fica alta e as pessoas começam a dançar em cima das mesas do restaurante (lá dentro e não nas espreguiçadeiras da praia). A comida é boa e bem feita sim, mas nada de surpreendente ou maravilhosa.

O sushi estava ótimo… já as massas, nem tanto.

Em Panormos, o Principote fica em uma praia linda e calma. Alguns dias fica bem badalado e em outros mais paradão. No dia que eu fui estava bem calminho, bom pra aproveitar a praia. Comi um tataki de atum e um salmão de entrada deliciosos e todos os pratos que meus amigos pediram estavam ótimos também. Mesmo sendo carinho (como tudo em Mykonos) eu gostei que o Principote não cobrou para ficarmos nas espreguiçadeiras da praia (o Nammos por exemplo cobra fortunas por um espreguiçadeira na alta temporada).

Dicas de Mykonos: beach club Principote

Os guarda sóis mais fofos do Principote

O Scorpios é outro que entra forte no time dos melhores beach clubs de Mykonos. Fica em um lugar com um visual diferente, praticamente em cima das pedras, e tem uma decoração super elegante.

Hippie Fish, era do lado do meu hotel e eu adorei porque tinha um clima mais descontraído (pelo menos no dia que eu fui), se comparado com os outros que citei. Além de tudo a comida estava excelente, com preços mais justos, e a praia era linda demais.

Massa com lagostim. Divina!

Alemagou, esse infelizmente eu não consegui ir, mas vi fotos lindas e tive ótimas indicações, então fica aqui a dica e fica aqui também o meu arrependimento… rs. Aparentemente ele é um ótimo beach club para ver o pôr do sol (embora ele não se ponha no mar).

Observação – na alta temporada (julho e agosto) faça reserva, com uma certa antecedência, de todos os beach clubs que você quer ir em Mykonos. Aproveite e já pergunte os preços.

As praias de Mykonos

Agios Sostis, Elia Beach e Panormos são imperdíveis na minha opinião. A Psarou é bem bonita mas fica lotada quase sempre e com um monte de yatch ancorado perto da praia. A Paradise também é famosa em Mykonos, e a Super Paradise é o point da comunidade LGBTS que vai para a ilha atrás de diversão.

Agios Sostis, uma das melhores praias de Mykonos

Agios Sostis, uma das melhores praias de Mykonos

Além dessas que são mais famosas, eu gostei bastante da praia do meu hotel, a Agios Ioannis com a estrutura necessária para ficar o dia todo, mas sem ser algo invasivo como em Psarou.

É claro que Mykonos tem muito mais praias, e se você tiver mais dias explore bastante. Sem contar essas que citei, também tem a Kalo Livadi, a Paraga Beach e a Agios Stefano que também tem um pôr do sol bacana.

Onde comer em Mykonos? Dicas de restaurantes

A maioria das vezes eu comi nos próprios beach clubs, que tem uma ótima culinária como o Hippie Fish e o Principote. Mas fora eles, ainda existem muitos restaurantes e bares em Mykonos, principalmente no centrinho de Mykonos Town que é super gostoso.

Tataki de atum do Principote, dicas de Mykonos

Tataki de atum do Principote

O Interni é a referência quando o assunto é alta gastronomia, e é um outro queridinho dos brasileiros que procuram comer super bem na cidade. O Bar Caprice é outro ícone, assim como os restaurantes gregos Bakalo e Kalita.

Além desses que eu fui ou sei que são bons e renomados, a Vogue também indica o Kiki’s Tavern e o Spilia (queria ter visto essa indicação antes de ir e não agora escrevendo o post). Mas posso falar a verdade mesmo? O que eu mais gostei foi mandar um gyros (sanduba grego) no meio da noite no Jimmy’s Gyros! ♥

Veja também esse artigo (em inglês) com um monte de dica de restaurantes, bares e beach clubs em Mykonos.

Outras dicas de Mykonos – leia com atenção!

Aluguel de veículos – Alugue um quadriciclo. É o jeito mais divertido e prático de se conhecer a ilha e custa 40 euros a diária (com desconto progressivo para mais dias). Ou carro que é uma boa opção também e mais seguro pra quem não se sente confiante no quadri. De qualquer modo, é bem mais fácil conhecer tudo com um transporte próprio.

O meio de transporte "oficial" da ilha de Mykonos

O meio de transporte “oficial” da ilha de Mykonos

Transporte público – Quanto a outros tipos de transporte eu peguei ônibus uma vez só de Mykonos Town (estação Fabrika) para Psarou e paguei 1,80 euros por uma passagem, foi bem tranquilo, o ônibus tinha até ar condicionado e saiu pontualmente. Peguei taxi do meu hotel para o aeroporto por 13 euros. Também peguei um “barco-transfer” do porto a Mykonos Town por 2 euros. Dai que vem a terceira dica de ouro…

Transfer – Combine com o seu hotel a sua chegada e, consequentemente, o transfer do porto/ aeroporto até o hotel. Isso porque no porto chega um ferry com centenas de pessoas e todas brigam por um taxi que quase nunca passa. Você não quer ficar esperando lá no porto (afinal você está em Mykonos, não perde tempo não!), e também não quer fazer um trajeto maluco igual o que eu fiz para conseguir sair de lá (depois conto essa história em um próximo post). Combine antes com o seu hotel e dai um carro estará a sua espera na hora que você chegar. Muitos hotéis oferecem esse serviço de graça!

Ainda tem dúvidas? 

Já leu os outros posts que escrevemos sobre a Grécia? Tem mais sobre Mykonos, Santorini e Milos. Eu também já contei tudo o que fiz no meu roteiro de 10 dias pela Grécia (e também falo todos os hotéis da viagem) e dou dicas de como montar o seu roteiro pelas ilhas gregas!

E claro, fique a vontade para deixar seu comentário, seja contando sua experiência ou perguntando algo. Vamos usar essa ferramenta para trocarmos conhecimento e nos ajudarmos, afinal o SV é de vocês também!

Deixe o seu comentário usando o Facebook
Ou comente por aqui